Fundamentos da nutrição antroposófica

Elaine de Azevedo

Resumo


O objetivo dessa pesquisa conceitual é apresentar as bases da Nutrição sob as premissas da Antroposofia, uma ciência espiritual moderna, desenvolvida por Rudolf Steiner. Para cumprir esse objetivo, foram utilizados livros de autores que se dedicam à Medicina e Nutrição antroposóficas. A abordagem antroposófica para o indivíduo sadio aponta a dieta lactovegetariana, de origem integral e biodinâmica, como ideal para o desenvolvimento saudável do ser humano contemporâneo, enfatiza a importância do ritmo na alimentação e tem por base os conceitos de tetramembracão e trimembração do corpo físico e de vitalidade, além de abordar a relação entre alimentos e temperamentos. Essa dieta objetiva estimular o organismo em diferentes níveis e clama que os efeitos podem ser percebidos não somente como uma boa nutrição, mas também na perspectiva de um estado de bem-estar geral. Além disso, a Nutrição Antroposófica também alega que as forças encontradas nos alimentos in natura, produzidos em consonância com as leis da natureza, harmonizam os corpos físico e etérico, base de um desenvolvimento anímico-espiritual sadio. Apesar da complexa racionalidade que embasa a proposta conceitual da Nutrição Antroposófica, o conceito de alimento saudável na Antroposofia está em sintonia com as diretrizes das recentes políticas públicas de alimentação e de segurança alimentar e nutricional.

Palavras-chave


Dieta; Antroposofia; Terapias Complementares

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/cntc.v1e1201251-60

Cad. naturol. terap. complem. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, 2316-915X

Licença Creative Commons
O trabalho Cadernos de Naturologia e Terapias Complementares está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://www.portaldeperiodicos.unisul.br/index.php/CNTC.