A contribuição da Naturologia para a implementação da política nacional de práticas integrativas e complementares na concepção dos naturólogos que atuam no Sistema Único de Saúde

Thaís Cristina Duarte Ribeiro, Livia Crespo Drago, Joana Anschau Roman, Fernando Hellmann

Resumo


Introdução: Organização Mundial de Saúde (OMS) demonstrou a valorização das Medicinas Tradicionais e Medicinas Alternativas/Complementares como forma de melhorar resultados no campo da saúde. O Brasil atendeu as recomendações da OMS e instituiu a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC). A PNPIC legitimou a institucionalização destas práticas inaugurando novas perspectivas com foco na saúde e em sua complexidade, visando garantir a integralidade na atenção à saúde. Objetivo: compreender a contribuição da Naturologia para a implementação da PNPIC na concepção de naturólogos que atuam no Sistema Único de Saúde (SUS). Percurso metodológico: realizou-se, no primeiro semestre de 2015, um estudo de campo com abordagem qualitativa, exploratória e descritiva, aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade do Sul de Santa Catarina. Os dados foram coletados através de entrevista semi estruturada com oito naturólogos atuantes em quatro estados brasileiros e tratados por meio da análise do conteúdo de Bardin. Resultados: foram descritos cinco categorias temáticas: (1) O naturólogo em equipe multidisciplinar de saúde, (2) Abordagem do naturólogo no SUS, (3) A implementação da PNPIC nos municípios de atuação, (4) Princípios da Naturologia que contribuem com a implementação da PNPIC e (5) Estratégias para a inserção dos naturólogos no SUS. Considerações finais: Considera-se que a atuação dos naturólogos em equipe multiprofissional contribui com a implementação da PNPIC no SUS, cooperando para que as práticas abarcadas pela PNPIC sejam incorporadas em sua potencialidade desmedicalizante. Esta pesquisa contribui também para refletir a inserção da Naturologia no contexto da saúde pública.


Palavras-chave


Política de saúde; Sistema único de saúde; Terapias complementares; Naturologia.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/cntc.v6e11201721-32

Cad. naturol. terap. complem. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, 2316-915X

Licença Creative Commons
O trabalho Cadernos de Naturologia e Terapias Complementares está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://www.portaldeperiodicos.unisul.br/index.php/CNTC.