Fotografia e Guerra: encenação e punctum no século XIX

Antonio Carlos Santos

Resumo


Esse texto busca aproximar a produção de imagens às guerras, analisando mais detidamente algumas fotos de Timothy O’Sullivan, realizadas durante a Guerra de Secessão dos Estados Unidos, e de Flávio de Barros, durante a última campanha do Exército contra os jagunços de Antonio Conselheiro, em Canudos. A partir das teorias de Benjamin, Agamben e Barthes, a intenção é trabalhar com algo, um efeito, que escapa ao destino de documento das imagens.

Palavras-chave


Imagem. Fotografia. Guerra.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rcc.v12e22017227-232

R. crít. cult., Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1980-6493

Licença Creative Commons
Revista Crítica Cultural de http://www.portaldeperiodicos.unisul.br/index.php/Critica_Cultural/index está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.