Fair Trade (comércio justo) como um ‘Tópico Quente” internacional e sua abordagem no Brasil

José Carlos Lazaro Silva-Filho, Flavio Leandro Batista de Moura Cantalice

Resumo


Este artigo tem como objetivo analisar bibliometricamente o desenvolvimento do conceito de Fair Trade na literatura internacional e nacional, identificando a emergência do tema e analisando possíveis “barreiras” do tema no contexto nacional. Para isto foram feitas duas pesquisa bibliométricas, um na base “Web of Science” da ISI e outra nas publicações nacionais (anais e revistas). Embora tenha se identificado o tema com emergente na literatura internacional (“hot topic”), os autores perceberam uma defasagem considerável da abordagem do tema no Brasil. Esta defasagem na prática e nas abordagens teóricas pode ser melhor explicada quando utiliza-se a abordagem teórica emergente da ciência social francesa sobre “qualidade e conveções” para entender a coordenação das redes de agronegócios. No Brasil o comércio justo ainda se encontra inscipiente como uma “convenção cívica” (moral), sendo que os casos que estão se desenvolvendo estão uma utilizando já uma “convenção de mercado”, assimilando conceitos de redes alimentares de países desenvolvidos.


Palavras-chave


Comércio Justo; Fair Trade; COnvention Theory

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/reen.v4e22011223-244

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


R. eletr. estrat. neg.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1984-3372

Licença Creative Commons


REEN is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported .