HIPOMINERALIZAÇÃO MOLAR-INCISIVO: REVISÃO DE LITERATURA

Patricia Aleixo Santos Domingos, Hérica Adad Ricci-Donato, Camila Nakao Nonato, Élidy Oliveira de Souza, Veridiane Jéssica da Silva

Abstract


Defeitos de esmalte são alterações comuns que podem ocorrer tanto na dentição decídua quanto na permanente. Um dos defeitos de esmalte que tem sido amplamente estudado nos últimos anos, em função de sua crescente prevalência, é a Hipomineralização Molar-Incisivo (HMI). A HMI é um defeito de esmalte com causa sistêmica, caracterizado por uma alteração na sua translucidez, podendo acometer um ou até mesmo os quatro primeiros molares permanentes, associados ou não a alteração dos incisivos. Clinicamente, o dente afetado pela HMI apresenta-se com uma área de coloração branca, amarela ou marrom, com nítida definição entre esmalte sadio e alterado, entretanto a superfície do esmalte é lisa e não há alteração de espessura. Por apresentar baixo conteúdo mineral, o esmalte hipomineralizado é poroso, o que o torna mais suscetível à fratura devido às forças mastigatórias, deixando a dentina exposta, favorecendo o desenvolvimento de lesão cariosa. Nesse sentido, o objetivo deste trabalho foi realizar uma revisão de literatura sobre HMI, de modo a possibilitar ao cirurgião-dentista um melhor esclarecimento e entendimento sobre a referida doença, seus fatores etiológicos, diagnóstico diferencial e tratamento, de forma que fundamente suas decisões na atuação clínica odontológica. Diante da literatura revisada, pode-se concluir que a HMI tem sido grande desafio na prática clínica atual, tanto pelas suas consequências, quanto pelas dificuldades no manejo do paciente e no tratamento. Sua etiologia é complexa, por apresentar-se, nos diversos estudos, como multifatorial, e ainda, com possibilidade de suscetibilidade genética. O cirurgião-dentista deve estar capacitado para o correto diagnóstico desta alteração, com a finalidade de estabelecer um plano de tratamento adequado à necessidade do caso.


Keywords


Hipomineralização Dentária. Esmalte Dentário. Odontopediatria. Cárie Dentária.



DOI: http://dx.doi.org/10.19177/jrd.v7e120198-12

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Journal of Research in Dentistry, University of Southern of Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2317-5907

Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Attribution Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.