Uma análise enunciativo-discursiva dos “percursos internos de leitura” encenados na produção textual de pré-universitários

Luiz André Neves de Brito

Resumo


O artigo tem como objetivo apresentar resultados parciais de uma análise discursivo-enunciativa de um corpus representativo de redações da FUVEST/2007, produzidas por candidatos selecionados em primeira chamada do vestibular. Assumindo a vertente da Análise do Discurso ligada à perspectiva da enunciação, focalizo as condições imediatas de produção para analisar (i) os pontos de heterogeneidade mostrada a partir da relação coletânea/textos produzidos; e (ii) o acontecimento “cristalizado” desse percurso interno de leitura. Por meio dessa análise, defendo que (i) o gênero discursivo seja uma das instâncias que regula o modo como o discurso outro será mostrado; e (ii) a leitura mostrada pelo escrevente, no contexto de vestibular, é atravessada por pré-construídos que circulam em uma dada sociedade.

Palavras-chave


Análise do discurso; Escrita de pré-universitários; Percursos internos de leitura

Texto completo:

PDF/A


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.