Dimensões discursivas e linguísticas no campo do ensino da língua portuguesa – notas de uma prática docente

Nelita Bortolotto, Joice Eloi Guimarães

Resumo


Neste texto discute-se a relação entre dimensões discursivas e linguísticas pela análise da prática pedagógica de uma professora que aderiu à metodologia do Programa Olimpíada da Língua Portuguesa – Escrevendo o Futuro (OLP). Alicerçada na teoria dialógica da linguagem (Bakhtin e seu Círculo), essa metodologia toma como base o trabalho com os gêneros do discurso, razão por que esses pressupostos teóricos fundamentam a análise. Destaca-se assim que, no desenvolvimento do trabalho, a professora procurou levar em conta a linguagem em sua complexidade, abarcando sua dimensão histórica, social e dialógica, buscando a ultrapassagem da metodologia assentada na visão de língua como sistema. No entanto, a professora vivenciou o confronto entre o dado e o novo, entre o linguístico e o discursivo, tendendo ainda sua prática para a dimensão linguística. Mesmo assim, os resultados permitem afirmar que essa metodologia traduz um novo caminhar rumo à conquista progressiva da autonomia discursiva.

Palavras-chave


Formação docente; Ensino; Aprendizagem; Língua portuguesa; Dialogismo

Texto completo:

PDF/A


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.