DESAFIOS NO PROCESSO DE IMPLEMENTAÇÃO DO CURSO GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA (GDE) NO ESTADO DE SANTA CATARINA

Miriam Pillar Grossi, Mareli Elaine Graupe

Resumo


Este texto objetiva discutir sobre o processo de implementação do curso Gênero e Diversidade na Escola (GDE) no Estado de Santa Catarina e sua implicação na formação continuada de profissionais de educação da rede pública de ensino acerca das temáticas - questões de gênero, sexualidade, relações étnico-raciais e a orientação sexual, bem como refletir sobre possíveis contribuições que este curso pode acrescentar no planejamento pedagógico d@s professor@s. É um estudo qualitativo e quantitativo que foi realizado durante os dois anos de pesquisa de pós-doutorado.  Os resultados apontam que o curso foi importante para a sensibilização d@s professor@s em relação a estas temáticas. Também se constatou que há uma demanda por estratégias de acompanhamento na realização de projetos e atividades que abordam gênero, sexualidade, orientação sexual e relações étnico-raciais no cotidiano escolar envolvendo colegas, alun@s e comunidade escolar.

Palavras-chave


Formação de educadoras; Gênero; Diversidade e Escola.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/prppge.v8e132014104-125

Poiésis. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN-e 2179-2534

Licença Creative Commons

Poiésis is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas 3.0 Unported License.

Apoio:

 FAPESC

 

ANPED