A política de escola de tempo integral na rede municipal de Vitória da Conquista

Benedito Eugenio, Irailde de O. Xavier

Resumo


Neste texto apresentamos os resultados de uma pesquisa sobre políticas públicas para a educação básica no interior da Bahia. Aqui são discutidas as características da escola de tempo integral no município de Vitória da Conquista. Para a construção dos dados valemo-nos de uma pesquisa qualitativa que contou com entrevistas realizadas com profissionais da primeira escola a implantar essa política no município e análise de documentos. As análises apontam para diferentes concepções de escola de tempo integral presentes nas falas das entrevistas, bem como a redução, por parte do poder público municipal, do número de escolas em tempo integral.

Palavras-chave


Escola de tempo integral; Política pública; Educação municipal

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/prppge.v3e5201056-70

Poiésis. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN-e 2179-2534

Licença Creative Commons

Poiésis is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas 3.0 Unported License.

Apoio:

 FAPESC

 

ANPED