TRANSPORTE DE CARGA FRACIONADA VISTO SOB A ÓTICA SUSTENTÁVEL: A PATIR DA APLICAÇÃO DO MÉTODO GAIA – GERENCIAMENTO DE ASPECTOS E IMPACTOS AMBIENTAIS

Daniel Penz, Sabrina Nascimento, Bianca Costa Amorim, Daiana Paulina da Luz Censi, Alexandre de Avila Lerípio

Resumo


Com a evolução da sustentabilidade, o desenvolvimento de ferramentas de gestão capazes de auxiliar as empresas a incrementar o seu desempenho nas esferas ambiental, social e econômica, torna-se fundamental para construir uma atuação alinhada com as expectativas dos stakeholders. O objetivo deste estudo é identificar e caracterizar os resíduos e como transformar em uma fonte de renda no transporte rodoviário utilizando o método de gerenciamento GAIA proporcionando melhorias nos processos e ainda comparar a aplicação deste método com o trabalho de Sousa et  al (2006). Pesquisa é descritiva com abordagem qualitativa dos dados por meio de um estudo de caso. A coleta dos dados foi realizada por meio de fontes primárias e secundárias. A fonte primária de coleta das informações compreendeu a realização de uma entrevista com o diretor operacional da empresa.  As fontes secundárias referem-se às observações realizadas durante a visita e ao acesso das documentações internas da empresa, bem como seus relatórios contábeis. Adotou-se a utilização do método de Gerenciamento de Aspectos e Impactos Ambientais – GAIA, descrito como um conjunto de instrumentos e ferramentas gerenciais que oferece às organizações a possibilidade de melhoria da performance ambiental, seu foco está no desenvolvimento de uma consciência crítica nas pessoas que compõem a organização no que tange os níveis de desperdício do processo produtivo, bem como os efeitos de resíduos, efluentes e emissões gerados por esse processo (LERIPIO, 2001). Enquanto que o transporte de mercadorias é cada vez mais importante para a competitividade, o tráfego de mercadorias é considerado como uma ameaça crescente para a sustentabilidade. As evidencias permitem deduzir que a utilização de sistemas de tecnologia de informação e comunicação permitem uma mobilidade mais sustentável através da melhor utilização das estradas, diminuindo o número de acidentes, os congestionamento, bem como tem potencial para redução em termos de consumo por Km/rodados. Pelo estudo realizado foi possível determinar que uma orientação voltada à sustentabilidade tente a auxiliar o setor de transporte, tanto em aspectos financeiros quanto mercadológicos. A sensibilização ambiental gerada pelo método GAIA apresentou-se como o impacto mais latente na comparação dos achados deste estudo com a pesquisa de Sousa et al. (2006). Percebe-se ainda que com a implementação do GAIA os gestores podem avaliar melhor os pontos de melhoria sob o prisma da sustentabilidade.


Palavras-chave


Transportadora de carga fracionada. Sustentabilidade. Método GAIA.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v4e12015262-288

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.