DESAFIOS DA IMPLEMENTAÇÃO DA AGENDA AMBIENTAL NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA (A3P): O CASO DA PERNAMBUCO PARTICIPAÇÕES E INVESTIMENTOS S/A

José Carlos Mota dos Santos

Resumo


O objetivo do estudo foi analisar os desafios dos gestores públicos na implementação da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P) numa sociedade de economia mista de Pernambuco. A investigação empírica utilizou do método qualitativo, por meio de um questionário semiestruturado junto à equipe gestora do programa considerando as orientações de implantação fornecidas pelo Ministério do Meio Ambiente. Como parte do processo, inicialmente foi realizada uma análise do nível de aderência da Organização quanto aos objetivos e os eixos temáticos da A3P. A instituição pesquisada adere a 58% dos objetivos da A3P, com exceção à sensibilização dos gestores e revisão e adoção de novos padrões de produção e consumo, com aderência de 82% dos cinco eixos temáticos da A3P. Para a equipe gestora do programa, os recursos financeiros, a quantidade insuficiente de membros na equipe, a sensibilização, a cooperação tanto quanto a ausência de indicadores são os principais desafios da implementação da A3P na organização estudada.


Palavras-chave


Administração Pública; A3P; Gestão Ambiental; Sustentabilidade

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v6e22017133-153

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.