DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E AGLOMERAÇÕES INDUSTRIAIS: UMA ANÁLISE DOS ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS DE CONFECÇÕES E TÊXTEIS DOS MUNICÍPIOS DE RONDONÓPOLIS E PRIMAVERA DO

Luís Otávio Bau Macedo, Gesinaldo Ataíde Cândido, Francisca Nathália de Sousa Leite

Resumo


O objetivo do presente trabalho consiste em comprovar por meio do cálculo do Quociente Locacional a existência de APLs da indústria de vestuário e artefatos têxteis nos municípios de Rondonópolis e Primavera do Leste. Adicionalmente, busca-se relacionar a aglomeração industrial e setorial com o desenvolvimento sustentável desses municípios, para isso foi utilizado para a análise comparativa o IDSM – Índice de Desenvolvimento Sustentável para Municípios. A metodologia de cálculo de Quociente Locacional foi empreendida seguindo-se o estudo de Suzigan (2006), enquanto que a técnica de cálculo do IDSM foi elabora a partir de Martins e Cândido (2008). A pesquisa verificou a existência de concentração industrial nos municípios propostos e constatou que estes lograram posições elevadas no que se refere ao IDSM mato-grossense, ficando atrás apenas da capital do estado, Cuiabá. Esse resultado pode ser apontando como um indício de que a aglomeração industrial traz consigo fatores positivos à qualidade de vida da população nos municípios pesquisados.  


Palavras-chave


Aglomerados; sustentabilidade; indústria têxtil

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v6e22017517-533

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.