PERSPECTIVAS E ANÁLISE DO QUADRO ENERGÉTICO FUTURO DO SHALE GAS NO BRASIL

Luana Gabriela Lenhard, Helena Leal Rokembach, Carlos H. Coimbra-Araújo

Resumo


Apesar de programas de incentivo ao etanol combustível, usinas hidrelétricas e ao intensivo uso da biomassa tradicional, a base da matriz energética brasileira tem se tornado cada vez mais dependente de fontes fósseis. Nesse sentido, o presente trabalho faz uma análise do atual quadro energético do Brasil, dando maior destaque a uma fonte energética fóssil usada já há alguns anos: o gás natural. Novos métodos para a sua extração, como o fraturamento hidráulico, disponibilizam essa commodity com maior facilidade podendo ganhar força no mercado de energia. No entanto, este método, em particular, deixa algumas dúvidas quanto a seu impacto ambiental e à saúde humana, pois os fluidos injetados a alta pressão sob o subsolo, criando canais no interior da rocha para a extração do gás, podem escoar para as águas subterrâneas e possibilitar que outros gases presentes neste solo, como o metano, comprometa a qualidade da água, do solo e da atmosfera. Em contraponto, serão analisados cenários futuros, em que o Brasil deverá criar condições para a rápida expansão de oferta e implantação do processo de diversificação da matriz energética, fundamental para o posicionamento estratégico perante o panorama energético mundial, visto que o Brasil tem potencial para intensificação do uso de fontes renováveis, seja solar, eólica ou biomassa.


Palavras-chave


Energia; Fraturamento hidráulico; Combustíveis fósseis; Meio Ambiente

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v4e02015431-443

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.