PRÁTICAS DE GESTÃO SUSTENTÁVEL E SEUS IMPACTOS. UMA ANÁLISE DO SETOR HOTELEIRO DA GRANDE VITÓRIA

Ketter Valéria Zuchi C Caliari, Deivid Schreder da Silva, Romenik Siqueira Nunes

Resumo


Este artigo trata de como a sustentabilidade, sob a forma gerencial, está sendo empregada pelo setor hoteleiro da região metropolitana do Espirito Santo. O artigo descreve e analisa as práticas e impactos do gerenciamento sustentável na hotelaria regional, identifica ações concretas nesse âmbito, a vantagem obtida pelos hotéis, e as dificuldades para implantação desses métodos e modelos de gestão. Trata-se de uma pesquisa exploratória, de natureza qualitativa, obtida através de entrevista semiestruturada, aplicada a dois gestores de importantes hotéis da Grande Vitória, embasada nos estudos e teorias de Flores (1995), Hart (1997), Quinn (1996) e Souza (1993). A sustentabilidade é necessária para manutenção do planeta e economia mundial, e através da pesquisa foi possível compreender o foco dos gestores, o nível de importância dada ao assunto e o que fazer para melhorar esse cenário.


Palavras-chave


Sustentabilidade; Hotelaria; Meio Ambiente; Diferencial Competitivo; Gestão.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v6e32017531-551

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.