ASPECTOS DA DEGRADAÇÃO AMBIENTAL NO NORDESTE DO BRASIL

Jadielle Lidianne Clemente Silva, Carlos Alberto Soares Vidal, Luiz Marivando Barros, Francisco Ronaldo Vieira Freita

Resumo


Este artigo tem como objetivo fazer uma análise do processo de degradação ambiental no nordeste do Brasil, ocasionado por meios antrópicos como o desmatamento através da retirada e queimadas da cobertura vegetal. Aborda também as principais características ambientais da região, fazendo um resgate histórico da ocupação no Brasil, que ocasionaram o processo de degradação ambiental. As pesquisas foram realizadas utilizando materiais bibliográficos através de artigos científicos, livros, Dissertações e teses relacionadas ao tema. O desmatamento nessa região tem sido alvo de estudo em varias universidades, pois vem causando historicamente danos aos recursos naturais, principalmente aos considerados mais frágeis, afetando o equilíbrio ambiental e consequentemente a manutenção e qualidade da vida humana. O resultado demonstrou que o processo de desmatamento e de degradação ambiental do Nordeste, esteve e está associada ao processo agropecuária, produção agrícola, produção industrial, crescimento populacional e tem ocasionado uma serie de consequências negativas, como a perda da biodiversidade, degradação do solo, processos erosivos, escoamento superficial, diminuição da água para recargas dos aquíferos, entre outras consequências.

 


Palavras-chave


Ação antrópica. Desmatamento. Queimadas.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v7e22018180-191

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.