AVALIAÇÃO DA TAXA DE COLONIZAÇÃO POR FUNGOS MICORRÍZICOS ARBUSCULARES EM SOLO EM CONSÓRCIO COM RESÍDUOS DE CORTE DE GRANITO E MACRÓFITAS AQUÁTICAS

Rogério Pires Santos

Resumo


Fungos micorrízicos arbusculares (FMA), efetuam simbiose com raízes de plantas vasculares (micorriza), podem contribuir em processos de recuperação de áreas degradadas pelo seu potencial de extrair metais pesados do solo, elevar a tolerância das plantas a metais em locais contaminados além de contribuir para o crescimento das plantas. O presente trabalho objetivou verificar os efeitos do consorciamento de diferentes resíduos (granito) com macrófita aquática aguapé (Eichhornia crassipes (Mart.) Solms) sobre aspectos químicos e microbiológicos de um Planosolo Háplico Solódico e o crescimento do capim pensacola (Paspalum notatum). O experimento foi conduzido em casa de vegetação e constou de 3 tratamentos: solo de área amostral com três doses de resíduos de marmoraria  (8, 16 e 32 t ha-1), combinadas com 8 t ha-1 de resíduos orgânicos (aguapé), além de um adicional, com solo de área de amostragem preservado, utilizado como referência, todos com três repetições por tratamento. Foram realizadas análises químicas e microbiológicas do solo, além de medidas de altura, massa seca e fresca da parte aérea e do sistema radicular das plantas. Os resultados indicam que os procedimentos com resíduos de granito e aguapé, contribuíram para proporcionar bons resultados para as condições microbiológicas, fator fundamental a correta sucessão ecológica, enquanto as gramíneas apresentaram o maior crescimento nos tratamentos em que foram adicionados maiores concentrações de resíduos de corte de granito.

 


Palavras-chave


Fungos micorrízicos arbusculares. Paspalum notatum. Resíduos sólidos.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v7e22018690-703

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.