ANÁLISE MULTICRITÉRIO COM USO DA AHP PARA AVALIAÇÃO TEMPORAL NA VULNERABILIDADE AMBIENTAL: ESTUDO DE CASO NA BACIA HIDROGRÁFICA DO UBERABINHA, MG

Rodrigo de Almeida Oliveira Peixoto, Januário Chirieleison Fernandes, Marcio Augusto Reolon Schmidt, Carlos Eugênio Pereira

Resumo


Os problemas ambientais relacionados com as atividades antrópicas têm aumentado significativamente com o crescimento populacional e o uso irracional dos recursos ambientais. As atividades associadas às alterações no uso e ocupação da terra têm gerado degradação ambiental, comprometendo os recursos naturais. As técnicas de sensoriamento remoto e SIG são ferramentas poderosas para investigar e prever mudanças ambientais de um modo confiável, não invasivo, rápido e econômico com estratégias consideráveis de tomada de decisão. A avaliação temporal da vulnerabilidade ambiental de uma Bacia Hidrográfica é essencial para indicar as limitações e potencialidades do uso e ocupação do solo, contribuindo para o entendimento da dinâmica ambiental e uma possível tomada de decisão relacionada com a gestão dos recursos ambientais. No presente trabalho foi proposta a avaliação temporal da vulnerabilidade ambiental da Bacia do Uberabinha em Uberlândia – MG entre os anos de 2010 e 2017 a partir da análise multicritério com a utilização da AHP. No estudo foi observado a intensificação da vulnerabilidade ambiental ao longo dos anos. Portanto fica evidente a necessidade de ações efetivas na tentativa de interromper o processo de degradação e garantir a preservação do ambiente.


Palavras-chave


Vulnerabilidade ambiental, Processo hierárquico analítico (AHP), Análise temporal, SIG

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v8e32019141-158

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.