UTILIZAÇÃO DE VEÍCULO AÉREO NÃO TRIPULADO (VANT) PARA O MONITORAMENTO AMBIENTAL DE FOCOS DO MOSQUITO AEDES AEGYPTI NO MUNICÍPIO DE PALMAS – TO

José Guilherme Martins Araújo, Aurélio Pessôa Picanço, Julianne Cutrim Nazareno

Resumo


Buscando medidas inovadoras e notando a necessidade de encontrar métodos eficazes contra o mosquito Aedes aegypti, este trabalho tem como objetivo avaliar a potencialidade do Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT) como ferramenta alternativa a ser utilizada no combate a endemias em uma quadra residencial de Palmas - TO. Através de dados fornecidos pelo Centro de Controle e Zoonoses (CCZ) e Secretaria de Saúde do Município (SEMUS), verificou-se que a quadra 407 Norte tinha o índice de infestação predial - IIP de 1,76 correspondente a situação de alerta. O VANT usado na pesquisa foi o modelo eBee da empresa Suíça SenseFly. As imagens geradas foram interpretadas verificando dois prováveis focos de procriação do mosquito vetor: disposição inadequada de lixo e armazenamento de água. Percebe-se que a utilização de mapas através de imagens obtidas pelo VANT é uma oportuna ferramenta que possibilitam auxiliar no controle e monitoramento de possíveis focos de reprodução do mosquito Aedes aegypti de forma rápida e simples.

 

Palavras-chave: VANT. Monitoramento Ambiental. Aedes Aegypti.


Palavras-chave


VANT. Monitoramento Ambiental. Aedes Aegypti.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v7e42018632-649

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.