COMPOSIÇÃO GRAVIMÉTRICA DE RESÍDUOS SÓLIDOS DE AERONAVES: UM ESTUDO DE CASO EM AEROPORTO INTERNACIONAL NA REGIÃO DE CURITIBA - PR

Nataly Bruna Fernandes Aires, Alexandre França Tetto, Lisiane Akemi Hayashi, Jairo Afonso Henkes

Resumo


O presente artigo apresenta um panorama gravimétrico dos resíduos gerados em aeronaves. Sabe-se que o transporte aéreo é um modal muito aderido como opção de transporte, nesse sentido, é premente a preocupação sobre o impacto ambiental dessa fonte geradora e as particularidades que circundam a prática de gerenciamento de resíduos sólidos em ambientes aeroportuários. Devido a sua especificidade, os resíduos sólidos de aeronaves são importantes indicadores para compreender aspectos particulares da dinâmica de gerenciamento de resíduos sólidos em complexos aeroportuários. Para o presente trabalho usa-se a metodologia de pesquisa exploratória, bibliográfica, documental, observação e pesquisa de campo. Foram realizadas duas visitas técnicas ao local, uma sendo dia 18 de junho de 2018 e a outra, dia 29 de julho de 2018, a fim de conhecer a Central de Resíduos e a área de segregação de resíduos sólidos de aeronaves e a aplicação do método da gravimetria em resíduos sólidos, nos dias 24, 25 e 26 de agosto de 2018. Para a caracterização da geração de resíduos sólidos das aeronaves utiliza-se a Norma Técnica Brasileira –  nº 10.007/2004 E nº 10.004/2004 e a Resolução do CONAMA nº 275. Para a análise de resíduos sólidos de aeronaves, utiliza-se o método de gravimetria e quarteamento de amostragem de resíduos sólidos, exceto o resíduo infectante. Nesse sentido, o trabalho visa apresentar a concentração de determinados componentes em porcentagens que reflitam a realidade da geração de resíduos sólidos em aeronaves comerciais, de transporte de passageiros. Foram apontados maior concentração de “rejeito”, “plástico” e “papel” nas amostragens analisadas de forma geral. Tais informações são importantes para o mapeamento de geração de resíduos sólidos por fonte geradora em ambiente aeroportuário. Dessa forma, os resultados da composição gravimétrica subsidiarão à criação de um novo Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos – PGRS à administradora do aeroporto analisado.

 

Palavras-chaves: Resíduos Sólidos; Aeronaves; Composição gravimétrica; Gerenciamento de Resíduos Sólidos.

 


Palavras-chave


Resíduos Sólidos; Aeronaves; Composição gravimétrica; Gerenciamento de Resíduos Sólidos.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/rgsa.v9e12020144-170

R. gest. sust. ambient., Florianópolis.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2238-8753 Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.