A ARTE DO CORPO: INCORPORANDO A SEXUALIDADE MASCULINA E FEMININA NA CULTURA MATERIAL DE POMPEIA

Pérola de Paula Sanfelice

Resumo


Este trabalho visa tratar dos silenciamentos e da presença do Hermafrodito na cultura material pompeiana. Proporemos uma reflexão em torno de Pompeia, e a importância da sua cultura material para a ampliação de novos estudos historiográficos, sobretudo os relacionados à sexualidade, com o intuito de problematizar a forma como o corpo é observado, entendendo-o como um importante elemento na formação discursiva da acidentalidade moderna, sobretudo, no que tange as marcas de gênero inscritas neles.


Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/memorare.v1e120138-23

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Revista Memorare, Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2358-0593.

  Licença Creative Commons
Revista Memorare de Revista Memorare está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.