SÍTIOS ARQUEOLÓGICOS HISTÓRICOS DA ÁREA RUARAL DE PORTO ALEGRE: UM PATRIMÔNIO A SER PESQUISADO E PRESERVADO

Fernanda Bordin Tocchetto, Marcus Vinicius Carvalho Pinto, Rosilene Possamai, Rosane Maria Fluck, Simone Graciela Derosso, Fátima Ávila, Silvia Rita de Moraes Vieira

Resumo


A zona sul do Município, ainda com características rurais, tem sido alvo da expansão da malha urbana e solapada por vários tipos de empreendimentos. Área de ocupação histórica desde o final do século XVIII, relacionada à produção e ao lazer, possui remanescentes considerados patrimônio cultural relacionado à história da cidade. Este trabalho apresenta o projeto que está sendo desenvolvido sobre este patrimônio, o qual inclui o arqueológico, através de um Grupo de Trabalho da Secretaria da Cultura de Porto Alegre. Estão sendo levantados os sítios históricos caracterizados como fazendas, chácaras, casas de veraneio, olarias, entre outros, construídos entre o final do século XVIII e início do século XX. O projeto compreende estudos, ações de caráter preventivo e educativas, buscando uma valorização e fruição do patrimônio cultural histórico, arquitetônico e arqueológico relacionado à ocupação rural da cidade de Porto Alegre.


Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/memorare.v1e12013207-217

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Revista Memorare, Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2358-0593.

  Licença Creative Commons
Revista Memorare de Revista Memorare está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.