A antiga procissão de Navegantes em Pelotas – RS: história e memória de fé e devoção

Alessandra Buriol Farinha, Claudio Baptista Carle

Resumo


O objeto de pesquisa deste artigo é a antiga Festa de Nossa Senhora dos Navegantes, que ocorria no bairro do Porto de Pelotas, RS. O artigo objetiva recuperar dados históricos e algumas memórias da Procissão através de antigas publicações de periódicos da cidade e manuscritos do Primeiro Livro Tombo da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, revisitando assim as lembranças da intensa devoção do povo de Pelotas, principalmente moradores do Bairro do Porto, na Santa Padroeira dos trabalhadores do mar. A Festa religiosa que tinha a procissão como destaque, teve origem no ano de 1932, vinculada à Paróquia Sagrado Coração de Jesus. Para a obtenção dos resultados foi realizada revisão teórica, pesquisa em antigos periódicos de Pelotas, além de pesquisa e transcrições do Primeiro Livro Tombo da Paróquia Sagrado Coração de Jesus (1911). A Festa de Navegantes pode ser considerada como um fato cultural, social e religioso que contribuiu na qualificação do Bairro do Porto como um lugar de memória (NORA, 1984).

Palavras-chave


Memória; História; Procissão de Navegantes.

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/memorare.v1e3201432-51

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Revista Memorare

Revista Memorare, Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2358-0593.

  Licença Creative Commons
Revista Memorare de Revista Memorare está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.