O vale do rio Jauru, MT: o estudo de uma fronteira cultural

Marlon Borges Pestana, Pedro Ignácio Schmitz, Jairo Henrique Rogge

Resumo


Este artigo discute algumas interpretações obtidas através das atividades de resgate arqueológico no reservatório da PCH Figueirópolis instalada no município de Indiavaí, Estado do Mato Grosso, no período de setembro a dezembro de 2008. Entre os resultados estão a descoberta de 34 sítios arqueológicos, sendo destes 25 escavados parcialmente. Os novos dados sobre a Arqueologia do oeste brasileiro e oriente boliviano, em especifico com relação à tradição Uru e à tradição Descalvado serviu de base a tese de doutorado, cuja qual este artigo é um breve resumo.

Palavras-chave


Arqueologia; horticultores; rio Jauru

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/memorare.v5e22018211-226

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Marlon Borges Pestana, Pedro Ignácio Schmitz, Jairo Henrique Rogge

Revista Memorare, Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2358-0593.

  Licença Creative Commons
Revista Memorare de Revista Memorare está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.