Desigualdade de gênero: análise da personagem feminina Helena Matoso da obra A carne

Veridiana Veridiana Guimarães

Resumo


Nesse estudo objetivo refletir sobre a desigualdade de gênero através da protagonista Helena Matoso da obra literária A carne, de Júlio Ribeiro. Busco também entender como essa personagem feminina é apresentada no referido romance e porque esse material escrito do século XIX retrata a construção simbólica da mulher na sociedade. Para isso, apresento algumas questões teóricas acerca da teoria feminista.  Assim, no referencial teórico me aproprio do pensamento de inúmeros autores, dentre eles Simone de Beauvoir, Pierre Bourdieu, Judith Butler, Lucía Guerra e Nádia Elisa Meinerz, para refletir sobre a figuração do feminino. Ao final, analiso o texto de Ribeiro e sua relação com a realidade.  A carne retrata os preconceitos vivenciados pelas pessoas do gênero feminino bem como o os tabus construídos socialmente para inferiorizar as mulheres.


Palavras-chave


Desigualdade de gênero. A Carne.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/memorare.v6e12019133-150

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Veridiana Veridiana Guimarães

Revista Memorare, Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 2358-0593.

  Licença Creative Commons
Revista Memorare de Revista Memorare está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.