ETHOS EM INTERAÇÃO: O DEBATE POLÍTICO-ELEITORAL ENTRE EDUARDO PAES E WILSON WITZEL EM 2018

Wagner Alexandre dos Santos Costa

Resumo


No debate de segundo turno das eleições de 2018, enfrentaram-se os candidatos Eduardo Paes (DEM) e Wilson Witzel (PSC). Tendo em vista que no debate político-eleitoral o interesse é triunfar sobre o adversário, a imagem de si, prévia ao discurso ou propriamente nele desenvolvida, muitas vezes determina o sucesso da adesão de um auditório e o consequente sucesso de um projeto de dizer empreendido com certa finalidade. A proposta de estudo é analisar a tensão decorrente do jogo de imagens projetadas no debate político-eleitoral/2018, dando enfoque às situações de luta discursiva da etapa de segundo turno das eleições ao cargo de Governador do Estado do Rio de Janeiro. Para tanto, alia os quadros teórico-metodológicos dos estudos do ethos em interação (KERBRAT-ORECCHIONI, 2016; CHANAY; KERBRAT-ORECCHIONI, 2007) e da análise semiolinguística do discurso político (CHARAUDEAU, 2016, 2011).


Palavras-chave


Ethos. Interação. Debate.

Texto completo:

PDF/S


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.